Incrível! Os Robots também já conduzem motas | Pplware Kids

Incrível! Os Robots também já conduzem motas

Toda a tecnologia associada aos automóveis tem crescido para oferecer propostas de carros autónomos e eléctricos. Vai ser esse o futuro e todos querem estar presentes.

Esta é uma corrente que irá conquistar o mercado, e isso é uma certeza. Mas há outras áreas que agora começam a despontar e a Yamaha mostrou o seu futuro. Chama-se Motobot e é um robot que sabe conduzir motas.

robot_1


O Motobot é um robot humanoide apresentado pela Yamaha no Salão Automóvel de Tóquio, que tem a particularidade de conseguir conduzir motas.

Não é a primeira vez que surgem propostas neste campo, mas sempre em motas alteradas para integrarem o robot que a vai conduzir.

É aqui que o Motobot se destaca. Este robot tem a capacidade de conduzir qualquer mota, sem qualquer modificação e pronta para a estrada.

A apresentação da Yamaha não revela muito sobre o Motobot, mas fica claro que este é um caminho que a empresa nipónica quer seguir, preparando-se para o futuro.

O objectivo da Yamaha é colocar o Motobot a conduzir uma mota de estrada a mais de 200km/h num circuito, provavelmente a competir com o piloto que lhe serviu de base, Valentino Rossi.

É também uma forma da Yamaha desenvolver conceitos e ideias que aproveitará mais tarde nos seus projectos, em especial os dedicados à segurança de todos os que condizem motas.

Este é o futuro e a Yamaha está já presente no que poderá ser a sua linha de desenvolvimento. Aguardam-se novidades sobre o Motobot e sobre o que vai aprender a fazer!

Arquivado na categoria: Curiosidades


Deixar uma resposta


Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. O autor deste site reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.



×