10 mitos sobre computadores que perduram no tempo [Parte 1] | Pplware Kids

10 mitos sobre computadores que perduram no tempo [Parte 1]

Quando algo perdura no tempo, geralmente é sinónimo de, ou ter sido algo excelente, ou algo terrível. Cientistas brilhantes e desastres naturais, por exemplo. Mas, por vezes, existem coisas que se mantêm na mente das pessoas, mas que não estão corretas.

Hoje trazemos a primeira parte de “10 mitos sobre computadores que perduram no tempo”. Leia os seguintes 5 mitos e diga-nos, no final, se acreditava nalgum deles ou se conhece mais.

keyboard


1. Atualizações automáticas estragam o computador

Há alguns anos atrás, atualizar o Windows ou qualquer outro software era sinónimo de uma grande dor de cabeça. Frequentemente as pessoas deparavam-se com o temido ecrã azul da morte após efetuarem uma atualização.

Atualmente, é raro encontrar pessoas a queixarem-se de que uma atualização tornou o computador inutilizável e que tiveram que reinstalar tudo do zero. É sempre recomendável manter as atualizações automáticas ativadas.

2. O Internet Explorer é o pior browser

102

Aquele cuja popularidade outrora fora grande, é um dos maiores alvos de gozo e chacota por utilizadores de todo o mundo. O Internet Explorer sofreu de tanto bullying que a Microsoft foi “obrigada” a livrar-se da má reputação do browser, começando do zero com um novo browser, o Edge.

Apesar de toda essa má fama relacionada com “supostos” problemas de incompatibilidade, lentidão, etc., o Internet Explorer não é tão mau quanto se pensa. As últimas versões são extremamente estáveis e adequadas para a maioria dos utilizadores.

3. Precisa desligar o computador antes de ir dormir

win95

Nos tempos dos velhos sistemas operativos (Windosws 95 e versões anteriores, por exemplo) desligar um computador enquanto este não estava a ser utilizado era praticamente uma obrigação. Isto porque podiam surgir bugs ou até mesmo queimar peças do hardware devido à demasia de tempo ligado.

Atualmente, apesar dos nossos pais dizerem para desligar o computador quando não está a ser utilizado, não é necessário fazê-lo, porque os sistemas são capazes de gerir, de forma extremamente eficaz, os gastos de energia. Assim, até se melhora a velocidade de iniciação.

4. O seu computador está a ser alvo de ataques a cada minuto

hacker

Apesar do que muita gente pensa, os computadores não estão a ser alvo de ataques de hackers 24 horas por dia, 7 dias por semana. Aquele hacker que está escondido num quarto escuro, a comer pizza e refrigerantes todo o tempo, sempre a atacar alguém é mentira. A maioria dos ataques são, atualmente, automatizados.

5. Limpar a cache melhora a performance do computador

clean_cydia

Muitos programas, como os web browsers, têm aquilo a que se chama cache. Uma cópia dos ficheiros para que estejam disponíveis offline. São também muitos aqueles que pensam que ao limparem a cache estão a poupar espaço no disco e a aumentar o desempenho geral do computador.

Pois bem, tal é parcialmente correto. Sim, poupa-se espaço em disco, mas, na maioria das vezes, limpar a cache obriga o programa a descarregar os ficheiros novamente, levando a que sejam consumidos mais recursos e, por sua vez, uma maior lentidão.


Conhecia algum destes mitos? Se sim, acreditava nalgum deles? Conhece mais?

Arquivado na categoria: O meu computador


1 Comentário

  1. As atualizações automáticas faz muito pouco sentido ou nenhum para o meu caso, pois estas só devem ser feitas quando “eu” quero…

Deixar uma resposta


Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. O autor deste site reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.



×