Inteligência Artificial versus Ser Humano - Depressa e bem não há quem! | Pplware Kids

Inteligência Artificial vs Humana – Depressa e bem não há quem

A Zhunxingyunxue Technology, uma empresa chinesa, colocou o seu projeto de Inteligência Artificial a competir com alunos no exame de entrada na universidade da China. Embora esta tivesse acabado a prova em menos tempo, não conseguiu a melhor nota.



AI pouco inteligente

AI-Maths, a máquina de inteligência artificial que nasceu em 2014 é uma caixa preta, alta, que contém 11 servidores que estão no centro de uma sala de testes. Esta competiu com os alunos que prestavam prova para entrada na faculdade e conseguiu termina-la em 22 minutos, sendo que alunos e máquina tinham 2 horas para completar o teste.

A questão é que, apesar da sua rapidez de resposta, a AI-Maths não conseguiu uma pontuação tão alta como os alunos.

O sistema de AI, com dados importantes ao nível de inteligência artificias e tecnologias de reconhecimento de linguagem natural, conseguiu em 22 minutos uma pontuação de 105 no total de 150, e numa segunda versão, que completou em 10 minutos, teve uma pontuação ainda mais baixa, apenas 100 pontos.

Ainda com algumas falhas

Isto mostra que, apesar de criada pelo ser humano, e de ser feita para não errar, ainda existem algumas lacunas nesse projeto.

Lin Hui, o CEO da empresa, explica que o seu produto trabalha bem com cálculos e a uma velocidade superior em comparação às pessoas mas, a nível de entendimento da língua e do contexto não consegue entender. Lin Hui adianta que a tendência é que, no futuro, isso seja ultrapassado.

“Por exemplo, o robô teve dificuldade em entender as palavras” estudantes “e” professores “no teste e não conseguiu entender a questão, então marcou zero para essa pergunta”, acrescentou Lin.

Inteligência Artificial a par com a Inteligência Humana

Este teste tinha como finalidade mostrar que a tecnologia IA está pronta a “pensar” tal como o ser humano. Apesar de não ter conseguido ainda esse objetivo, o computador consegue trabalhar para que isso seja ultrapassado facilmente e talvez, numa próxima oportunidade já consiga ter melhor nota.

Ainda no ano passado, o AlphaGo da Google, foi o primeiro programa de computador a vencer um jogador humano entendido num jogo chinês de tabuleiro.
AlphaGo, voltou a ganhar já este ano, ao melhor jogador do mundo, Ke Jie, da China, em três jogos.

A IA pode ser uma mais valia para o ser humano na descoberta de factos importantes para o futuro.

 

Por Célia Simões para Pplware Kids

Arquivado na categoria: Internet


Deixar uma resposta


Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. O autor deste site reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.



×