Tubarão com 512 anos foi encontrado na Gronelândia | Pplware Kids

Tubarão com 512 anos foi encontrado na Gronelândia

Um grupo de cientistas dinamarqueses fizeram uma descoberta incrível. Há pouco mais de um ano encontraram um tubarão que pode certamente ser o vertebrado vivo mais antigo de todo o planeta.



A vida animal continua a surpreender

Com o passar do tempo a esperança média de vida tem vindo a aumentar. A ciência tem feito um esforço por descobrir forma de melhorar e até curar certas doenças que até então seriam fatais.

No meio animal a situação é um pouco diferente. Apesar dos esforços de algumas organizações, que se preocupam com o desenvolvimento e estudam os hábitos, a fisiologia e o habitat dos animais de forma a conseguir preservar as espécies, nem sempre isso é possível.

Mas por vezes somos surpreendidos com fenómenos que parecem praticamente impossíveis. Foi o caso da descoberta deste tubarão que, segundo dados publicados na revista Science, foi encontrado na Gronelândia.

Um tubarão encontrado entre o Atlântico Norte e os mares de Ártico, mais propriamente do leste do Canadá ao oeste da Rússia, foi um autêntico achado quando o grupo de cientistas calculou que poderia ter cerca de 512 anos de idade.

Zona onde vive pode ser a explicação

Depois de várias investigações a explicação para o sucedido foi encontrada na taxa de crescimento dos tubarões da Gronelândia. Nesta região a taxa de crescimento dos tubarões é extremamente lenta, com o crescimento de cerca de 1cm por ano.

Ao descobrirem um tubarão com 5,4 metros, os cientistas fizeram as contas, e foi fácil chegar à conclusão que este tubarão viveu alguns séculos.

O estudo foi baseado em técnicas de datação por radiocarbono. Assim foram obtidas amostras do cristalino do olho dos tubarões.

Foram analisados 28 tubarões e foi revelado que o mais velho poderia ter 392 anos. Contudo, devido a uma pequena margem de erro, cerca de 5%, a idade real pode variar entre os 272 e os 512 anos.

Mais antigo que as tartarugas das Galápagos

Sendo que a esperança média de vida dos tubarões é muito menor, no geral é de cerca de 30 a 40 anos, há certamente aqui alguma influência na zona em que este tubarão reside.

Este animal, devido ao seu lento crescimento, consegue superar outros centenários conhecidos como é o caso da baleia da Gronelândia ou a tartaruga das Galápagos.

Se estes dados estiverem corretos, isso significa que este tubarão já era vivo durante o renascimento.

Arquivado na categoria: Curiosidades


Deixar uma resposta


Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. O autor deste site reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.



×