Produção eólica em Portugal bate novo recorde | Pplware Kids

Produção eólica em Portugal bate novo recorde

Portugal tem produção de energia eólica já há alguns anos. Não sendo ainda uma parte substancial no consumo das famílias portuguesas, esta produção tem aumentado e atingiu um novo máximo histórico na madrugada desta segunda-feira, com uma produção de 4.454 Megawatts, mais cinco do que o anterior máximo registado em Maio passado.

pplware_energia-eolica1


Segundo informação veiculada pelo JN e de acordo com a rede elétrica REN, a produção eólica em Portugal atingiu um novo máximo histórico na madrugada desta segunda-feira, com uma produção de 4.454 Megawatts, mais cinco do que o anterior máximo registado em maio passado. Durante as três horas em que a intensidade do vento foi maior, a energia produzida teria sido suficiente para abastecer a totalidade do consumo energético nacional.

 

Quase 25% do consumo nacional servido pela produção eólica

No acumulado dos dez primeiros meses do ano, a produção renovável abasteceu 59% do consumo, repartindo-se pela hidráulica com 31%, eólica 22%, a biomassa 5% e fotovoltaica 1,5%.

pplware_energia-eolica0

Em nota à comunicação social, a REN destaca o papel da empresa ao investir de forma permanente no desenvolvimento de mecanismos que permitam prever com maior precisão a produção de energia deste tipo de fontes, por forma a poder tirar o melhor partido das mesmas.

Na semana passada, a Associação de Energias Renováveis (Apren) lançou o alerta de que é urgente um quadro regulatório que transmita confiança aos investidores para modernizarem os ativos eólicos, avisando que Portugal corre o risco de perder terreno na produção eólica.

Portugal até agora tem resistido a criar legislação para permitir que o parque eólico continue a funcionar através do ‘repowering’ ou da prolongação da vida útil

Referiu o administrador da EDP Renováveis e vice-presidente da Apren.

A modernização pode ser feita com a extensão da vida útil – estimada em 20 anos – através da substituição de alguns componentes, ou com o designado “repowering”, isto é, o desmantelamento completo das turbinas e substituição por novas, mais eficientes.

Arquivado na categoria: Curiosidades


Deixar uma resposta


Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. O autor deste site reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.