Faltam 2,5 minutos para o fim do mundo | Pplware Kids

Faltam 2,5 minutos para o fim do mundo

Criado em 1947, o Doomsday Clock (Relógio do Juízo Final) tem procurado medir o quão perto estamos do fim do mundo. Este “relógio da desgraça” é gerido por um conjunto de académicos,  que anualmente avalia a situação mundial e dá a sua previsão para o que falta para o fim do mundo.

A avaliação de 2017 já foi apresentada e desta vez estamos ainda mais perto de chegar a um cataclismo, que acabará com a vida na terra. Os valores para este ano dizem que faltam apenas 2,5 minutos para o mundo acabar.



Este relógio é a representação de toda a avaliação feita e mostra, na opinião de um conjunto de académicos com créditos firmados, o perto que estamos de haver uma guerra mundial e um ataque com toda a força entre nações. Graças ao poderio militar que actualmente as grandes nações têm na sua posse, este será um evento que será destrutivo e que eliminará da face da terra toda a vida.

Nos resultados deste ano foram levados em conta vários factores que parecem estar a preparar-se para mudar o panorama mundial. Em especial foi levado em conta todas as declarações do novo presidente dos Estados Unidos e as suas posições firmes a favor do uso de armas nucleares contra nações que podem desencadear respostas. Foi ainda  levado em conta a sua posição contra as alterações climáticas, dizendo que estas são invenções de outros países.

Esta é a primeira vez em 64 anos que o relógio esteve tão perto de chegar à meia noite. Foi também a primeira vez que foi dado um salto de 30 segundos de uma única vez.

Já no passado o Doomsday Clock mostrou o quão perto a humanidade esteve perto de se aniquilar. Durante a guerra Fria, entre os Estados Unidos e a URSS, o relógio esteve muito perto do fim da hora, mas o retomar de relações entre os 2 países trouxe-o de volta para trás. O mais longe que este relógio esteve da 24 horas foi em 1991, quando a URSS caiu e foi assinado o Tratado de Redução de Armas Estratégicas. Nessa altura o relógio recuou 17 minutos.

Recentemente o relógio acelerou para perto da meia noite devido aos constantes testes nucleares na Índia e no Paquistão. O desenvolvimento de armas nucleares pela Coreia do Norte levou também ao acerto do relógio.

Para complementar as causas que podem levar aos movimentos deste relógio, em 2007 foram adicionadas as alterações climáticas ao conjunto de factores que deve ser levado em conta para avaliar a nossa proximidade do fim do mundo.

Arquivado na categoria: Curiosidades


Deixar uma resposta


Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. O autor deste site reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.